Tetraviral

1. A doença

O sarampo é uma doença extremamente contagiosa, causada por vírus. Caracteriza-se por febre, tosse, conjuntivite e erupção cutânea difusa e pruriginosa. Pode ser grave em crianças desnutridas ou com imunodeficiências.

A caxumba é uma doença causada por vírus e caracteriza-se pela inflamação dolorosa das parótidas. Ocasionalmente pode acometer outras glândulas salivares. Além da tumefação localizada abaixo da orelha (que pode ser uni ou bilateral), ocorre dor ao abrir a boca e para mastigar, febre baixa, mal-estar e dor muscular. Embora as complicações sejam raras, em homens pode ocasionar orquite (edema e dor testicular) e causar esterilidade.

A rubéola é uma doença geralmente benigna, causada por vírus e transmissível através das secreções respiratórias. Caracteriza-se por febre, mal-estar, adenomegalia cervical e lesão de pele. Se contraída durante a gravidez, além da possibilidade do aborto espontâneo pode causar no feto sequelas graves (como cegueira, surdez, lesões cerebrais e defeitos cardíacos). Dessa forma, essa vacina deve ser recomendada a todas as adolescentes e mulheres jovens que pretendem engravidar e também aos homens pela possibilidade de transmitir a doença.

A varicela (catapora) é uma doença extremamente contagiosa, causada por vírus, transmissível através do contato com pessoas doentes. Caracteriza-se por febre, mal-estar e erupções cutâneas vesiculares em todo o corpo, com duração média de 10 dias. As complicações, como infecções secundárias e formas mais graves (pulmonar e hemorrágica), podem ocorrer em todas as faixas etárias, sendo mais prevalentes em adolescentes e adultos. O Herpes Zoster é causado pelo vírus da Catapora e ocorre por uma reativação ou segunda exposição a este.

 

2. A vacina

Via: subcutânea (braço)

Idade: a partir de 1 ano de idade até 12 anos

Esquema: duas doses

Atenção:  Essa vacina esta indicada para crianças, adolescentes, adultos e/ou idosos. Porem pessoas que completaram o esquema primário desta vacina em uma fase da vida não precisam repetir posteriormente, apenas seguir os reforços. Para mais orientações entre em contato conosco.

3. Contraindicações/reações adversas

  • Recomenda-se adiar a vacinação na vigência de doença aguda associada a comprometimento do estado geral, acompanhada ou não por febre.
  • Recomenda-se adiar a vacinação em caso de uso de transfusão de sangue ou derivados nos últimos 3 meses ou uso crônico de corticóides em altas doses ou drogas imunossupressoras.
  • A vacina esta contra indicada em caso de alergia grave a algum componente da vacina.
  • As principais reações adversas apos a vacinação são: dor, febre baixa e mal estar, assim como prurido e vermelhidão no local. Essas reações não são consideradas graves e não contra indicam posteriores reforços vacinais.
  • Em caso de reações locais recomenda-se aplicação de compressas frias no local e o uso de antitérmico de acordo com a prescrição medica.